Meio Ambiente

Plano contra vazamentos de petróleo será apresentado a Dilma

Imprimir
Quarta, 09 Maio 2012
Acessos: 1125
Compartilhar

O plano nacional de contingência que vai definir os procedimentos em caso de grandes vazamentos de petróleo no País deve ser encaminhado à presidente Dilma Rousseff em breve. Segundo informou o secretário de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis do Ministério de Minas e Energia, Marco Antônio Almeida, está marcada para quinta-feira a reunião final do grupo que está elaborando o plano, formado por representantes de 16 ministérios e diversos órgãos da administração indireta.

De acordo com Almeida, que participou hoje de uma audiência pública da Comissão de Meio Ambiente da Câmara dos Deputados, o plano só será acionado em acidentes considerados de relevância nacional.

O plano estabelece a formação de um comitê executivo, responsável pela proposição das diretrizes que serão adotadas em casos de acidentes, e um grupo de acompanhamento e avaliação, formado por representantes da Marinha, do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e da Agência Nacional de Petróleo (ANP), que vai acompanhar os acidentes com petróleo, independentemente do porte da ocorrência. Um coordenador operacional vai intermediar as discussões do grupo com o operador. Esse coordenador será escolhido de acordo com o tipo de acidente.

Audiência discute prevenção a acidentes com petróleo do pré-sal

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável realiza nesta terça-feira (8) audiência pública para discutir novos modelos de prevenção e contingência a acidentes na exploração de petróleo na camada pré-sal. O debate foi sugerido pelo presidente da comissão, deputado Sarney Filho (PV-MA).

Segundo o deputado, será mais difícil conter eventuais acidentes na exploração de petróleo no pré-sal, já que as jazidas estão localizadas, em sua maioria, a mais de 5 mil metros de profundidade. “O país precisa definir e criar novos modelos de prevenção, contingência e atendimento a acidentes, voltados, especificamente, para a exploração e a produção de petróleo da camada pré-sal”, diz Sarney Filho.
 
Fonte: Boainformacao.com.br e Portal Terra, editado pela Agência Petroleira de Notícias 
Compartilhar

Copyright © 2019 Agência Petroleira de Notícias. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um software livre com licença GNU/GPL v2.0

Av. Presidente Vargas, 502, 7º andar, Centro, Rio de Janeiro - RJ, CEP 20010-000 • (21) 2508-8878 Onlink.