Meio Ambiente

Vale entrega água contaminada com querosene

Imprimir
Segunda, 16 Novembro 2015
Acessos: 2479
Compartilhar

O que era para ser um alento provocou revolta e frustração dos moradores de Governador Valadares. O primeiro carregamento de água, com 300 mil litros captados na vizinha Ipatinga e levados de trem para o município, chegou contaminado com querosene.


A água teve que ser descartada e os cidadãos da cidade, que tiveram o fornecimento cortado devido à contaminação do Rio Doce com lama que vazou das barragens da Samarco (empresa da Vale), em Mariana, no último dia 5, continuaram na seca.

Em comunicado postado nas redes sociais, a prefeitura de Valadares informou que a remessa foi entregue pela Vale já contaminada. A água seria utilizada para garantir o abastecimento de hospitais, escolas, creches e outros equipamentos que precisam de água.

Contudo, o diretor do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), Vilmar Rios, informou que a água estava imprópria para uso. "O SAAE fez a análise da água depois de transportada nos vagões. Toda a água com alto teor de querosene já foi descartada".

A Vale disse que coletou a água no local indicado pela Copasa, em Ipatinga, e a transportou em vagões-tanque usados para combates a incêndios florestais. "Estes vagões só transportam água e nunca transportaram querosene", alega a empresa.

Ainda conforme a Vale, a água foi entregue na manhã desta sexta-feira (13), em local acordado com a prefeitura. "Essa, por sua vez, se responsabilizou pelo transporte da água em caminhões-pipa, que não são de responsabilidade da Vale. Representantes da empresa estão entrando em contato com a administração municipal para esclarecer o ocorrido".
http://www.vermelho.org.br/noticia/272787-10

Fonte: Portal Vermelho

Compartilhar

Copyright © 2019 Agência Petroleira de Notícias. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um software livre com licença GNU/GPL v2.0

Av. Presidente Vargas, 502, 7º andar, Centro, Rio de Janeiro - RJ, CEP 20010-000 • (21) 2508-8878 Onlink.