Nacional

Engenheiros questionam sobre envolvidos na Lava Jato com direito a voto Petrobrás

Imprimir
Quarta, 03 Maio 2017
Acessos: 1201
Compartilhar

Associação de Engenheiros da Petrobrás contesta balanço da Petrobrás e pede impugnação de voto de integrantes do governo envolvidos em delações na Operação Lava Jato.

 

Imagem: Jornal GGN

Na condição de acionista minoritário da Petrobrás, a AEPET ingressou com pedido de impugnação do voto do acionista majoritário (o governo) não só pela aprovação das demonstrações contábeis como também pela eleição de conselheiros fiscais da companhia.

Segundo o vice-presidente da AEPET, Fernando Siqueira, a fundamentação do pedido está baseada no fato de que o governo não tem legitimidade não apenas para aprovar demonstrações contábeis como também para a indicação dos conselheiros. E justificou: “O governo tem oito ministros denunciados na operação Lava Jato, além do próprio presidente Michel Temer. Eles foram citados nos depoimentos dos dirigentes da Odebrecht, do ex-presidente da Transpetro, Sergio Machado, e vários outros” – argumenta o engenheiro.

A representante do Governo Federal, por exemplo, disse que os conselheiros fiscais escolhidos para serem votados pelo governo tiveram seus nomes amplamente discutidos pelos integrantes da cúpula governamental. “Isto não abona o nome das pessoas, pelo contrário: esse grupo é formado por Moreira Franco, Romero Jucá, Eliseu Padilha, Bruno Araújo, Aloysio Nunes, Marcos Antônio Pereira, Blairo Maggi e outros” – aponta.

“Diante disso, como pode a Petrobrás ter em seu Conselho Fiscal pessoas indicadas por um grupo de reputação duvidosa? Qual a confiança que os acionistas minoritários terão nessas pessoas? Foi por essas e outras que a empresa se tornou vítima de uma corrupção tão absurda”-  pergunta Siqueira.

Fonte: FNP I AEPET

 

Compartilhar

Copyright © 2019 Agência Petroleira de Notícias. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um software livre com licença GNU/GPL v2.0

Av. Presidente Vargas, 502, 7º andar, Centro, Rio de Janeiro - RJ, CEP 20010-000 • (21) 2508-8878 Onlink.