Nacional

Governo Temer perdoa R$ 26 bi em dívidas do agronegócio

Imprimir
Segunda, 08 Maio 2017
Acessos: 3357
Compartilhar

Para ter os votos da bancada ruralista para aprovar a reforma da Previdência Temer está disposto a flexibilizar ao máximo às dívidas dos grandes latifundiários.

 

Imagem: Agência Brasil

O novo programa de regularização de débitos fiscais que foi aprovado, garante enormes benefícios aos devedores. As dívidas que antes poderiam ser parceladas em 10 anos, que não é nada pouco, agora poderão ser parceladas em 20 anos, e ainda conta com descontos nos juros e eventuais multas de até 90%, ou seja, parcelar por décadas e praticamente sem juros.

Em 4 de maio, publicamos que o Governo Temer estava disposto a negociar 10 bilhões em dívidas com os latifundiários, mas segundo a Folha de S.Paulo  em sua edição publicada na última sexta (5) o valor é ainda maior, são 26 bilhões de dívidas com o Fundo de assistência ao trabalhador rural, que foram obtidos a custo do não pagamento do que era de direito do trabalhador do campo, que agora tem seus direitos ainda mais ameaçados com a reforma da previdência, que igual o tempo de aposentadoria entre trabalhadores urbanos e rurais, isso sem falar no projeto do deputado Nilson Leitão (PSDB-MT) que quer a legalização do trabalho escravo no campo.

Integrantes da bancada ruralista estão fazendo de tudo para também conseguirem, nesse momento em que Temer busca apoio para aprovar a reforma da previdência, manter e aprofundar todos os seus privilégios, com perdão de dívidas, parcelamentos a perder de vista sem juros, estão também ameaçando e recolhendo votos contrários a reforma para usar como forma de barganha contra Temer, mas o prêmio final é a retirada de todos nossos direitos.

Assim, o governo golpista e os parlamentares da base aliada seguem nos seus acordos promíscuos para que a crise seja jogada sobre os trabalhadores.

 

Fonte: Esquerda Diário

 

Compartilhar

Copyright © 2019 Agência Petroleira de Notícias. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um software livre com licença GNU/GPL v2.0

Av. Presidente Vargas, 502, 7º andar, Centro, Rio de Janeiro - RJ, CEP 20010-000 • (21) 2508-8878 Onlink.